segunda-feira, 25 de julho de 2011

Aceitar acontecimentos é inevitável. Não temos total controle sobre. Um pouco sim, mas total não. É óbvio que a maioria sabe disso e não sei porque ainda insiste em tentar corrigir algo que não foi ou até foi, mas teve seu tempo. Eu entendo isso e respeito, pois tenho a necessidade de querer voltar, reviver, resgatar. Mas, nem tudo precisa ser resgatado. Lembrar já é resgatar. As vezes para ir pra frente é necessário voltar. Mas, o que é preciso mesmo é andar, mesmo até devagar, mas pra frente.

2 comentários:

Fabianny disse...

O único caminho é para frente.

Maria Oliveira disse...

É sim.