quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Apenas...

Queria voltar aquele dia, aquele momento, onde nós podíamos ouvir todos os sons, ver todas as estrelas, sentir todas as brisas. E houve muito amor em cada gesto e olhar. Houve muito de nós em cada vibração do universo. Todo o vazio havia se esvaído. Toda, eu toda cheia, preenchida como aquela lua que brilhava por sobre nossas cabeças flutuantes. E como se teu brilho me ofuscasse, sempre virava o rosto e sorria. Você estava sempre lá. E eu poderia ir para qualquer outro lugar, desde que segurasse firme minha mão. Eu queria voltar... Apenas voltar.

Nenhum comentário: